A rega

Bonsai é uma arte viva, e não existe vida sem água, portanto a rega é um exercício diário de disciplina que todo bonsaista deve se habituar.

A rega de bonsai é algo bastante simples, se o bonsai esta plantado em substrato adequado é improvável que se regue em demasia, porém é muito mais fácil ocorrer a falta de água, sendo este o fator pelo qual a maioria das plantas de iniciantes morrem. Os vasos de bonsai são geralmente muito pequenos, a água seca rapidamente neles, principalmente se forem mais rasos, para saber quando regar basta colocar o dedo no substrato e sentir se ele está úmidoA rega correta deve ser feita diretamente no substrato até que a água escorra pelos orifícios de drenagem na parte inferior do vaso, esse deve ser seu parâmetro de controle, esse processo faz com que o ar no interior do substrato seja renovado o que é benéfico para a planta.

Deve se evitar molhar a copa com o sol incidindo sobre ela pois as gotas funcionam como pequenas lentes que pode queimar as folhas. Porém em dias de calor borrifar água na copa ajuda a planta a suportar melhor as altas temperaturas, quando fizer isto tome o cuidado de retira-la do sol, isso também ajudará a refresca-la.

Algumas plantas suculentas como rosas do deserto ou portulacaria afra gostam de substrato mais seco e suportam muito mais tempo sem rega, porém entre os bonsai essas plantas são exceção. Por outro lado, plantas da família da conífera não mostram sinais de falta de rega, quando começam a secar as folhas é um sinal de que esta já morreu. 

Um procedimento a ser feito quando percebe-se que alguma planta esta muito seca é mergulhar o vaso em uma bacia com água até a altura do substrato e deixar ali por pelo menos 30 minutos.

A falta de água não é o único fator que pode ser fatal para os bonsai, é preciso lembrar novamente que se o substrato (leia nosso artigo sobre substrato) estiver retendo muito líquido e mantendo a umidade por longos períodos leva a formação de fungos junto as raízes que apodrecem matando a árvore. Por este motivo deve-se regar os bonsai somente quando o substrato esteja ficando seco, para a saúde das raízes é importante esse ciclo entre secar e molhar.

A freqüência de rega pode variar por vários motivos, vasos pequenos como mame devem ser regados pelo menos duas vezes ao dia, vasos maiores pode precisar de uma segunda rega em temporadas de maior calor.

No caso específicos dos mames em que é comum secar rapidamente, a solução adotada é enterrar os vasos até a borda em vasilhas cheias de areia, neste caso rega-se toda a vasilha e a umidade da areia não deixará o mame ressecar.

Outro fator a ser observado é a posição da planta dentro do jardim, plantas próximas a parede ou árvores que evitam o sol da tarde exigem menos regas, e o contrario as plantas que recebem mais sol da tarde se estressam bem mais, necessitando de mais regas durante o dia.

O horário ideal para regar as plantas de caule lenhosos é no início da manhã pois a fisiologia desse tipo de planta tem uma maior demanda por água durante o dia, porém a rega pode ser realizada também no final da tarde sem prejuízos para a maioria das plantas, com exceção de algumas espécies como a Serissa Foetida que não suportam bem passar a noite com as raízes molhadas.

Comente usando o Facebook

comentários

3 thoughts on “A rega”

  1. Pingback: Ficus | Bonsai

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *